RINGPEN – Uma Caneta Ergônomica

811591_LRG

História da Caneta

 A escrita surgiu numa  época um pouco distante da nossa,  porém, só na atualidade descobre-se uma doença relacionada ao ato de escrever – uma deficiência de ordem neurológica – que não tem causas e nem tratamento bem definidos. Estamos falando da caimbra do escrivão.

 Cerca de 4000 A.C. – O homem fazia  arranhões na superfície de um tablado de  barro úmido  com uma ferramenta de bronze ou osso.

 Cerca de 3000 A.C. – Os egípcios desenvolveram uma forma de escrita com imagens. Para escrever nos papiros enrolados,  os escribas usavam  pincéis de palhetas finas ou canetas de palhetas.

 1300 A.C.  – Os romanos desenvolveram  uma forma de escrita que eles escreviam  em folhas finas de cera (em tábuas de madeira). Eles usavam uma caneta de metal. Quando eles  não achavam mais  necessária a escrita,  apagavam –na com o lado plano da caneta.

 Na Ásia, as pessoas  usavam uma caneta de bronze.

Eras da Escuridão –  Assim como  a escrita em pergaminho, os anglo-saxões também usavam tábuas preenchidas com cera para notas e para o planejamento do  layout dos grandes livros. Eles escreviam sobre as tabelas com uma caneta de metal ou osso, que tinha um final pontiagudo e apagavam  as palavras com o lado plano.

 600-1800 AD – Os europeus encontrados nesta época  que escreviam  em pergaminho com uma caneta de ouriço alteraram o estilo da sua escrita. Primeiro eles usavam letras maiúsculas o tempo todo, mas posteriormente se desenvolveram estilos mais rápidos com letras pequenas.

Canetas de Ouriço (apareceu em primeiro lugar em Sevilha, Espanha) e  foram o instrumento de escrita de 600 a AD de 1800.

Década de 1790 – Lápis de chumbo foi inventado paralelamente na  França e Austrália.

 1800-1850 – Uma caneta de metal foi patenteada em 1803, mas a patente não foi explorada comercialmente. Bicos de aço entraram em uso comum no ano de 1830. Pelo século XIX,  bicos de metais tinham substituído as canetas de ouriço. Por volta de 1850, o uso da caneta de ouriço  foi sendo extinto  e a qualidade dos bicos de aço tinha sido melhorada com o uso de ligas duras de irídio, Ródio e Osmium.

1884 –  Lewis Edson Waterman, corretor de seguros inventaram a primeira caneta de pena adequada.

1888-1916 – O princípio da caneta de ponta com bola(esferográfica)  realmente data do século XIX  quando patentes foram subscrito por John Loud em 1888 para um produto que pudesse  marcar o couro e em 1916 por Van Vechten Riesberg.  No entanto,  nenhuma destas patentes foram exploradas comercialmente.

 Na década de 1940, a versão moderna da caneta de ponta  com bola foiinventado por Josef (Lazlo) e Georg Biro.

 No Verão de 1943, foram feitos os primeiros modelos comerciais. Os direitos de patente da Lazlo foram comprados pelo Governo britânico. A caneta de esferográfica é mais resistente do que a caneta de pena que pode ser o motivo pelo qual as  vendas dispararam  durante a segunda guerra mundial, quando os militares  necessitavam  implementar a escrita  para sobreviver no ambiente de campo de batalha.

 Outubro de 1945 – A caneta  esferográfica foi introduzida no mercado de USA.  A caneta foi vendida como “A primeira caneta a escrever debaixo d’água” e  teve uma procura grande com cerca de 10.000 canetas vendidas no lançamento da Gimbel, loja de departamento em Nova York em 29 de Outubro de 1945.

 1953 – As primeiras canetas esferográficas baratas  estavam disponíveis quando o Barão  francês, Bich, desenvolveu o processo industrial para fabricação de canetas de ponto de bola que reduziu a unidade de custo drasticamente (BIC, co.)

  Década de 1960 –  era inventadas as canetas de fibras ou com bico de pontas de feltro (Tóquio Stationery Company, Japão).

 O requinte da Paper Mate estava entre as canetas de ponta de feltro primeiras a atingir o mercado de U.S. na década de 1960, e tem sido desde então o líder. Após seu sucesso inicial com pontas de feltro,  surgem vários fabricantes  do ramo com uma

variedades  de instrumentos de fibra  à  prova de derramamento de tinta, incluindo o recém-populares marcadores.  Paper Mate é uma marca da  Sanford L.P.,  uma companhia da Newell Rubbermaid.

  Canetas de esferas de rolo dos anos 80-90.  A introdução de caneta de esferas de rolo

foram feitas no início dos anos 80. Ao contrário da tinta espessa usada em um ponto de bola convencional, canetas de esferas de rolos empregam uma bola móvel e a tinta líquida para produzir uma linha mais suave. Avanços tecnológicos alcançados durante o final dos anos 80 e início dos anos noventa melhoraram grandemente desempenho global da bola de rolos.

  Dos anos 90… –  Instrumentos emborrachados para a escrita são normalmente utilizados pelas empresas para reduzir as garras ou suavizar a pegada.

 De 1997-… –  Produção em massa das canetas Rinpen (Grandeza Corporation). Estas canetas foram projetadas  para escrever sem agarrar fortemente  com os três  dedos. São canetas ergonômicas.

 Tradução: Divanicio A. Pessoa

From: ringpen.com

Sol Para todos nós que sofremos de câimbra do escritor, esta caneta é mais uma alternativa para tentar escrever ou facilitar a articulação da escrita, pelo menos em momentos mais necessários. Eu comprei uma em Brasília e de todas as tentativas que já fiz esta é a melhor, pois não há a necessidade de exercer pressão (no grip).

Veja os sites:  Ringpen Brazil  E  Ringpen in the World  


3 pensamentos sobre “RINGPEN – Uma Caneta Ergônomica

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s