Beginning to read chapter 5

DSC01509

Photo by: Gabi Borges

 

Being diagnosed with dystonia musculorum deformans was, to say the least, confusing and frustating. But being seven years old, I wasn’t thinking down the line. I was just having to deal with the now“.  Reading these first few sentences of chapter 5 of the Brenda’s book, I was thrilled because I know it’s not easy being diagnosed with dystonia and living with this devastating disease is the  worst of all.

I think A Twisted Fate is a nice book to read and it has a touch of humor in its narrative of the experiences of a lifetime with dystonia. Worth reading. Indeed, it’s a easy and delicious reading.

I am sharing this book with the Dystonia Community because this is a way to know other experiences with dystonia to feel supported. My friend Brenda is to be congratulated for her efforts and her resilience… 

Edmonton is too far from my city, but when I’m  reading the book I feel so close to Brenda because I know what is born with dystonia and only be diagnosed much later. At last, the narrative leads us to better understand our feelings and real suffering related to our life with dystonia.

Well, this is another one book I’m reading about a life with dystonia and I recommend it to everyone!  For more information about the book visit  “atwistedfate.ca“.

Começando a Ler o Capítulo 5

Ser diagnosticada com dystonia musculorum deformans foi, no mínimo, confuso e frustrante. Mas, tendo sete anos de idade, eu não estava querendo me deprimir. Eu só estava preocupada em como lidar com isto, agora.” Lendo estas primeiras frases do capítulo 5 do livro de Brenda, fiquei emocionado, porque eu sei que não é fácil ser diagnosticado com distonia e viver com esta doença devastadora é o pior de tudo.

Eu acho que “A Twisted Fate” é um bom livro para ler que tem um toque de humor em sua narrativa das experiências de uma vida com distonia. Vale a pena comprar! Na verdade, é uma leitura fácil e agradável.

Eu estou compartilhando este livro com a Comunidade Distonia porque esta é uma maneira de conhecer outras experiências com distonia para se sentir mutuamente apoiado. Minha amiga Brenda está de parabéns pelos seus esforços e sua capacidade de resiliência…

Edmonton é muito longe da minha cidade, mas quando eu estou lendo o livro eu me sinto tão perto de Brenda, porque eu sei o que é nascer com distonia e  ser diagnosticado somente muito mais tarde. Enfim, a narrativa nos leva a compreender melhor os nossos sentimentos e o real sofrimento relacionados a nossa vida com distonia.

Este é mais um livro que estou lendo sobre uma vida com distonia e recomendo a todos! Para saber mais sobre o livro acesse o site “atwistedfate.ca“.

Uma Ideia para mudar nosso Mundo

A Corrente do Bem, filme produzido em 2000 conta a história de um jovem que crê ser possível mudar o mundo a partir da ação voluntária de cada um. A direção é de Mimi Leder e na trama o professor de Estudos Sociais Eugene Simonet estimula os alunos a pensar numa ideia para mudar nosso mundo.

O filme conhecido em Portugal como “Favores em Cadeia” é um drama atualíssimo que nos leva a pensar sobre os valores de nossa sociedade. Esta é uma produção que vale a pena assistir sempre.

An Idea to change our World

Pay It Forward is a movie produced in 2000 and it  tells about the story of a young man who believes that can change the world from the voluntary action of each one. In this film that is directed by Mimi Leder, a Social studies teacher  called Eugene Simonet gives his class an assignment: look at the world around you and fix what you don’t like. He said: “Think of an idea to change our world – and put it into ACTION!”

The film known in Portugal as ” Favores em Cadeia”  and  in Brazil as “A Corrente do Bem” is a very current drama that leads us to think about the values ​​of our societyThis is a film  that is worth watching today and always…